Autor (a): Maurício Vieira

Estudos apontam que somente 15% das famílias brasileiras tem possibilidade de se conectar à internet de fibra óptica de alta velocidade. E é esse mercado, de 85% que tem despertado o interesse de grandes players que estão formando FIPs (Fundos de Investimentos em Participações) na busca da consolidação da cadeia de provedores.

O mercado de provedores de internet é altamente pulverizado no interior do país. É nesses mercados onde as gigantes de Telecom não conseguem penetrar, que estes FIPs estão fazendo suas principais aquisições.

O Brasil tem aproximadamente 16 mil provedores, segundo a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações), que juntos detém aproximadamente 35% do mercado de fibra óptica.

Dentro desse contexto, muitos provedores vêm se reestruturando, seja isoladamente, ou se aglutinando para exibir robustez na busca de atrair interessados nesse cenário de consolidação de mercado.

A aquisição de um provedor envolve aspectos qualitativos e quantitativos, como gestão focada no cliente, localização, número de conexões, qualidade da rede, ociosidade da rede, tipo de conexão (fibra, cabo e rádio), profissionalização da gestão, qualificação das equipes, volume de investimentos, carga tributária, estrutura de capital, risco sistêmico e não-sistêmico, entre outros.

Nesse ínterim, a avaliação de empresas é fundamental, não somente para conhecer o valor do negócio, mas para identificar quais os elementos criam valor e quais destroem valor. Serve para identificar quais os pontos fortes, os pontos fracos, quais as fraquezas e as oportunidades que o mercado em que o provedor está inserido apresenta, ou seja, o Valuation, é uma poderosa ferramenta que auxilia o empresário a conduzir o negócio na perspectiva de maximização dos resultados e criação de valor.

Portanto, ao conhecer as premissas que influenciam a mensuração do valor da empresa, é possível direcionar a gestão para que o negócio seja cada vez mais bem avaliado, aumentando a atração de investidores e parceiros na busca de maiores retornos e perpetuação do negócio.

Compartilhar no facebook
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Inscrever-se
Notificação de
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
Veja todos os comentários